.caminho musical


Rouxinol Faduncho - Desvariação

.quantos caminhantes


.caminhos recentes

. Teste psicológico

. Mas a Maria merece

. Resignação

. Parte mais importante

. Tudo sobre peidos

. Aviso do gaucho amigo

. Caminho Molhado

. A universalidade do povo ...

. Amigos do Caralho

. Leitaria do Avante

.caminhos antigos

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.sobre mim

.mais sobre mim


.caminhos trilhados

.o meu "selo"

Caminhos Cruzados

.o meu c@minho



.músicas que já tocaram no meu caminho


.procurar caminho

 

.em movimento




C

A

M

I

N

H

O

S



C

R

U

Z

A

D

O

S

.campanha da escrita

Campanha da escrita


blogs SAPO

.subscrever feeds

Terça-feira, 3 de Janeiro de 2006

Simplesmente Obrigado

amigos1.jpg


   Olá Amigos !!

   É com orgulho que vos confesso, sem falsas modéstias, que o final da noite de ontem e o dia de hoje, no que diz respeito a este recém criado espaço, foi uma "caixinha" de boas surpresas... falo claro do "feedback" que demonstraram, deixando-me a vossa encorajadora palavra de apreço por esta minha iniciativa. Só espero continuar a merecer a vossa visita e comentário/critica. Deixem-me assim puxar a brasa à minha sardinha e responsabilizar-vos também pela vitalidade deste espaço…

   Vou tentar dentro das minhas limitações técnicas e horárias responder a todos os vossos comentários, de forma a não só tornar este blog mais dinâmico, como também procurar que o mesmo seja um descontraído ponto de encontro onde possamos libertar um pouco o stress que com maior ou menos intensidade todos nós sentimos diariamente.

   Não querendo correr o risco de tornar esta tentativa de agradecimento banal ou confusa (correm-me neste instante 1001 imagens de grandes e eternos momentos convosco), vou socorrer-me de dois excertos de um poema que em certa altura dediquei a uma grande Amiga (acho que ela não se chateia por o partilhar com o resto da malta), mas que demonstra um pouco do que agora me vai na alma:


 


(...)
Talvez já fosse feliz
Mas quero caminhar
Quero continuar
Agora que me encontraste
Estás presa em mim
Amarrada pela vontade de descobrir
Todos os meus amigos assim o estão
Pois apenas as almas genuínas
Se entregam despreocupadamente
Procurando o abraço de um sorriso amigo
Há quem navegue num mar de rosas
E se pique por vezes
em seus espinhos
assim se aprende
A beleza por vezes também castiga
Mas quase sempre erguemos a cabeça
E sentimos a ansiedade
Um olhar diante do nosso

(...)

Neste desconcertante momento
Mil e uma palavras varrem-me o pensar
Numa tentativa de agradecimento
Procuro frases esquecidas
Talvez de fábulas perdidas
Mas nenhuma descreve a minha gratidão
Apenas a encontro
Sozinha, mas
em pé
Sempre
espera que num rasgo de coragem
Chamem por seu infinito nome
A simples e indefinivel declaração:

“Obrigada”...


04 de Março de 1999

publicado por menouv às 23:21
caminho do post | caminhar | adicionar aos meus caminhos
|
8 comentários:
De menouv a 5 de Janeiro de 2006 às 22:41
MARIA PAPOILA: Olá Maria! Obrigado pela explicação sobre o interesse na expressão Caminhos Cruzados... realmente pode levar-nos a divagar um pouco. Realmente não nasci no Norte, mas tenho muitas ligações familiares lá de cima, já para não falar de que o meu clube é da tua terra... mas isso são trilhos para outras caminhadas! ;) Gostei da tua visita. Vai aparecendo. Bjocas!
De Maria Papoila a 5 de Janeiro de 2006 às 16:30
Olá Caminhos Cruzados gostei da tua visita ao meu campo e obrigada pelo caminho lá traçado... Quanto a achar o teu nome sugestivo é porque goto muito de cruzamentos sem semáforos eheheheheh...para além do significado mítico dos quatro caminhos...eheheheheh Gostei bastante deste poemas intemporais, e da foto também. Se não és do Norte pareces, carago! Usa o calão que te apetecer! Beijo
De menouv a 4 de Janeiro de 2006 às 23:26
CRYING_ANGEL:
Yeeeee!! És mesmo a primeira. Parabéns. Acabaste de ganhar um "fabulástico" rebuçado de mentol! Por acaso não eras tu a pessoa a que dediquei o poema, mas as palavras que aqui partilho convosco (tive o cuidado de retirar as partes mais picantes. He! He!), são dedicadas a todos vós... os meus amigos!

IN SOLITUDE:
Yelooow! Não precisas agradecer nada. Se adicionei os links que adicionei é porque gosto de voçes e... mainada!
Amiga, simplesmente achei deliciosa a citação que aqui partilhaste connosco. Apenas te faço um pedido, numa tentativa de desculpa: Quando estiveres em baixo, lembra-te do que transcreveste. Eu fa-lo-ei!! Bjocas!

PATANISKA:
TRAIDOOOORA!! Deixaste-me "abandonaaaado... abandonaaadooo, la la la, nao sei o que mais" a crying_angel é que sabe como é o resto. De vez em quando faço-lhe o mesmo. Ups, isto não era para dizer. Olha lá, e quando e onde é que passa a boazuda para me cruzar no caminho dela e haver assim, tipoooo... um choque frontal??? He! He! He! Eu também gosta muito de tu. Bjocas!

SILVIA GOMES:
"Aqui para sempre", amiguinha!! Até parece que já estou a ouvir os 3 tenores a cantar "Amigos parasieeeeempreee!". P.C.P.1 Ó amiga, pela tua saude, tu não ligues ao que diz a Pataniska. Ai, estavas a falar da história da "boazuda"? Ah, atão tá bem! Se a vires, avisa-me! :)
P.C.P.2 Curiosamente a Pataniska faz anos no mesmo dia que tu. ;) Bjocas!

AUGUSTO:
Olá Augusto! Bem vindo ao meu recem criado espaço nesta comunidade mais ou menos virtual! Lamento desiludi-lo (ou então não), mas geograficamente não sou um homem do norte. Vivo na "outra banda" do Rio Tejo. Disse geograficamente porque clubisticamente sou mesmo do norte, carago! Futuramente pode ser que calhe a colocar aqui algo sobre o assunto, mais que não seja quando o meu clube fôr campeão nacional. He! He!
Gostei so seu comentário e caso queira adicionar o meu link no seu blogue da minha parte não há problema. Prometo noutra oportunidade, visitar o seu espaço com mais calma e deixar lá o meu comentário. Mais uma vez, bem vindo e volte sempre, Augusto!
De augusto a 4 de Janeiro de 2006 às 22:11
Ó homem do norte...
Pela aragem logo se vê quem vai na carruagem...
Um homem do norte não há que ter medo. Se os outros são marinheiros, toca lá de ser o timoneiro, meu caro.
Por aqui só há malta fixe (não é fixíssimo, como diz o outro, o tal com oitenta e tal)
Para já tenho-o a si nos favoritos, depois vamos lá ver se tenho espaço para o "linkar" (descanse que não lhe quero mal nem o estou a mandar para sítio algum)
Boas navegações. O que é preciso é tempo para aqui andar. Aqui a malta é uma corja de abutres, quando vê um moribundo, toca logo de dar a bicada.
Seja bem-vindo.
De Silvia Gomes a 4 de Janeiro de 2006 às 17:27
Ó amigo!!! Isto agora ficou muito lamechas cá para o meu lado... mas é bom recordar algo que já não lia há algum tempo. Como dizia o Bonga: "Tenho uma lágrima no canto do olho uelelele"
Para ti só tenho 3 palavras: "Aqui para sempre".

Jokas grandes

p.s.: Mas gostei do discurso da Pataniska ;-)
De Pataniska a 4 de Janeiro de 2006 às 16:09
Oh meu amor, entao já publicaste akilo q dizias ser só para mim? Mas q xatice. Ainda n recuperaste do facto de ter casado com outro e de tar grávida dele pois nao? Mas um dia isso vai passar qdo uma boazuda se te atravessar no teu caminho e tiveres de fikar com ela pa SEMPRE! LOL ai isto e tao cool poder vir aki espalhar a confusão e sair de fininho... ai ai (suspiro). GOSTO MUITO DE TI! Beijos
De In solitude a 4 de Janeiro de 2006 às 12:06
Antes de mais obrigada também por teres o link do meu blog ali no cantinho. Gostei do teu texto, de facto os amigos são tudo e é sempre bom ver o feedback :). Como dizia o Fernando Pessoa... "Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: não deixes que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de grandes tempestades.... Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!"

Beijocas

CC
De crying_angel a 4 de Janeiro de 2006 às 11:53
Enaaaaaaaaaaa sou a primeira... Adorei, sim senhor. Menino Menouv inspiradito... só é pena que eu não seja essa Amiga ehehehh brincadeira. Já vi que o meu cantinho está nos links e por isso, desta vez, sou eu que agradeço. Asteriscos.

comentar caminho

.Obrigado pela visita. Volta sempre!

menouv