.caminho musical


Rouxinol Faduncho - Desvariação

.quantos caminhantes


.caminhos recentes

. Teste psicológico

. Mas a Maria merece

. Resignação

. Parte mais importante

. Tudo sobre peidos

. Aviso do gaucho amigo

. Caminho Molhado

. A universalidade do povo ...

. Amigos do Caralho

. Leitaria do Avante

.caminhos antigos

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.sobre mim

.mais sobre mim


.caminhos trilhados

.o meu "selo"

Caminhos Cruzados

.o meu c@minho



.músicas que já tocaram no meu caminho


.procurar caminho

 

.em movimento




C

A

M

I

N

H

O

S



C

R

U

Z

A

D

O

S

.campanha da escrita

Campanha da escrita


blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 1 de Novembro de 2006

Tudo sobre peidos

Adivinha quem peidou?

  
Como hoje é dia de brincadeira, uma especie de "mini-Carnaval"... pelo menos é-o em "terras do Tio Sam" (por cá temos os miudos a pedir "pão por Deus") cá vai um post cheio boa disposição e cultura!! He! He! Tanta é a cultura que até cheira mal!!!  (não perder ultima parte do artigo)

É pena que não se ensine isto na escola, porque isto sim é que põe o País a andar para a frente. Isto sim é Ciência...


TUDO O QUE SEMPRE QUISESTE SABER SOBRE PEIDOS (termo técnico "Flatulência", por wikipédia) E TINHAS MEDO DE PERGUNTAR!

Do que é feito o peido?
A composição do gás é altamente variável. A maior parte do ar que engolimos, especialmente o componente Oxigénio, é absorvido pelo corpo antes do gás alcançar os intestinos. Quando o ar atinge os intestinos, a maior parte do que resta é nitrogénio. Reacções químicas entre o ácido estomacal e os fluidos intestinais também podem produzir dióxido de carbono, que também é um componente do ar e um produto da acção bacteriana. As bactérias também produzem Hidrogénio e metano.

O que faz os peidos cheirarem?
O odor dos peidos vem de pequenas quantidades de sulfeto de hidrogénio (gás sulfídrico). Esses compostos contêm enxofre. Quanto mais rica em enxofre for sua dieta, mais desses gases vão ser produzidos pelas bactérias no seu intestino e mais os seus peidos vão cheirar mal. Pratos como couve-flor, ovos e carne são notórios por produzirem peidos mal-cheirosos, enquanto feijão produz grandes quantidades de peidos não necessariamente mal-cheirosos.

Porquê que os peidos fazem barulho?
Os sons são produzidos pela vibração da abertura anal. O som depende da velocidade da expulsão do gás e de quanto estreita for a abertura dos músculos do esfíncter anal.

Quanto gás uma pessoa normal produz por dia?
Em média, uma pessoa produz mais ou menos um litro de peido por dia, distribuído em cerca de 14 peidos diários. Pode ser difícil para si determinar o volume dos seus peidos diários, pode estimar quantas vezes peida. Pense nisso como uma pequena experiência científica Anote tudo o que come e conte o número de vezes que peida. Pode inclusive anotar sobre o fedor deles. Veja se consegue descobrir uma relação entre o que come, quanto peida e quanto os seus peidos fedem.

É verdade que algumas pessoas nunca se peidam?
Não, se elas estiverem vivas. As pessoas podem peidar até mesmo um pouco depois de mortas.

Até estrelas de cinema peidam?
Sim. Assim como avós, padres, reis, príncipes, cantores de ópera, stripers, misses e freiras. Até o Darth Vader peida-se.

Os homens peidam-se mais que mulheres?
Não, as mulheres peidam-se tanto quanto os homens. O caso é que os homens têm mais orgulho disso. Existe uma grande variação em quanto gás uma pessoa pode produzir por dia, mas essa variação não está relacionada com o sexo. Talvez os homens peidem com mais frequência do que mulheres. Se isso for verdade, então as mulheres tendem a segurá-los e então libertar mais gás por peido.

Em que parte do dia um gentleman está mais sujeito a peidar?
Durante a manhã, quando estiver no WC. Isso é conhecido como "trovão matinal", e se o gentleman conseguir uma boa ressonância, pode ser ouvido na casa inteira.

Para onde vão os peidos quando os seguramos?
Quantas vezes você segurou um daqueles, pretendendo soltá-lo na primeira oportunidade apropriada, e depois descobriu que ele tinha desaparecido quando estava pronto? Ele saiu lentamente sem a pessoa saber? Foi absorvido pela corrente sanguínea? O que aconteceu? Os médicos concordam que o peido não é nem libertado nem absorvido. Ele simplesmente volta para os intestinos e sai depois. Isso reafirma o facto de que os peidos não são realmente perdidos, e sim adiados.

É possível mesmo "acender" peidos?
A resposta para isso é SIM! Entretanto, deve estar avisado de que colocar um peido em ignição é perigoso. Não só a chama pode subir de volta para seu cólon, como a sua roupa e o que estiver ao redor pode pegar fogo. Cerca de um quarto das pessoas que já fizeram isso queimaram-se gravemente. Também existem casos em que os gases intestinais com um teor de oxigénio mais alto que o normal explodiram durante uma cirurgia quando algum tipo de aparelho eléctrico foi utilizado pelo cirurgião.

Cheirar peido dá "moca"?
Não se conhecem agentes intoxicantes na flatulência. Entretanto, a maior parte dos peidos contém muito pouco oxigénio e você pode ficar tonto se inalar uma quantidade super concentrada de essência de peido, simplesmente por falta de oxigénio. E se está a respirar acelerado perto do peido para cheirar o mais possível, pode ficar tonto por causa de hiperventilação, não do peido.

Um peido pode matar?
A opinião médica é que não, um peido não pode ser fatal. Mas se tentar bastante e com afinco, pode matar-se com qualquer coisa. Dizem de um homem que ligou o seu nariz ao seu ânus com um sistema de máscara de gás, tubos de borracha e um cano oco de madeira. Morreu sufocado. A história de um gordo restrito à própria cama que morreu por inalação dos seus peidos, e cujos peidos quase mataram o pessoal do INEM, é lenda urbana.

É possível enlatar um peido para uso posterior?
Teoricamente sim, mas há uma série de problemas logísticos. Você pode tentar usar um saco plástico ao invés de uma lata. Experimente como exemplo o seguinte como uma experiência de feira de ciências Peide em vários sacos plásticos e feche, vede com cuidado. Então encha outros sacos com ar normal. Espere 24 horas. Então eleja voluntários para cheirar o conteúdo dos sacos para ver se eles conseguem dizer se o que tem ali dentro é peido ou é ar. Isso vai te dar a informação se é possível guardar peidos. Se fizer na banheira, e inclinar-se de forma que os peidos emirjam como bolhas na sua frente e não por trás, pode apanhar as bolhas numa garrafa, e ter peidos  dentro de garrafas sem estar contaminados com ar atmosférico.

Que cor tem o peido?
Regra geral, incolores, por causa dos gases que o constituem. Imaginem como seria interessante dar peidos cor-de-laranja, tipo dióxido de nitrogénio. Nunca mais ninguém iria perguntar de quem é o peido.

Outras pessoas cheiram mais o peido do que quem peidou?
O peido deveria cheirar tanto para quem o fez como para as outras pessoas. Mas quem fez está protegido pelo facto de que repeliu o ar para longe do seu corpo numa direcção oposta à do seu nariz. Peidar contra o vento anula essa vantagem.

E agora o momento poético:

Os peidos vêm do cú
como as pombas dos pombais
As pombas voltam à vezes
Os peidos não voltam mais ...



   Para terminar este momento cultural não me perdoaria a mim mesmo se não os aconselhasse a visitar esta "fabulástica" exposição que se encontra (ou encontrava, não sei quais as datas) na "Fundação de Serralves". Eis algumas fotos:


SIM, são fotos dessa parte do corpo que estão a pensar!

Agora venham-me dizer que os nossos subsídios não são muito bem empregues ?!?

publicado por menouv às 16:00
caminho do post | caminhar | adicionar aos meus caminhos
|
12 comentários:
De Tiago a 1 de Novembro de 2006 às 21:02
Caro amigo! O teu "caminho" está em grande!Visitei o blog com a pequena esperança de sair culturalmente enriquecido, a verdade é que saio mesmo. A nível de "flatulências" estou totalmente esclarecido.

A verdade é que, o que questionávamos sobre os "ares barulhentos" que são expelidos do buraco traseiro, está explicitamente clarificado.
Até existem soluções para "enlatar" ou "ensacar" os respectivos. Ideias para uma surpresa aos amigos?

Em relação às imagens, tento imaginar os respectivos modelos fotográficos a visualizar os próprios cús, em tamanho alargado. Que bonita imagem para recordar.

Continua o bom trabalho, amigo.
Um abraço
De Deusa da lua a 2 de Novembro de 2006 às 16:48
que se pode dizer???e sempre bom aprender coisas novas...loool
Quando aprendemos a usar a inteligência e a bondade ou afecto em conjunto,
todos os actos humanos passam a ser construtivos.
Dalai Lama

Beijo enorme e votos de bom fim de semana***
De ananda a 2 de Novembro de 2006 às 21:03
Q texto bonito! Realmente... Este blog vai longe...
Beijinhos!
De Xufia a 3 de Novembro de 2006 às 17:04
ORA AKI ESTA UM POST DU KU PA PIXA... SIM SENHORA É O CHAMADO POST DA MERDINHA! E POSTs DA MERDA A CAGAR SE PASSAM! MAS KEM N APERCIA UM BELO KU, HUM? N TEMOS É DE APRECIAR TAAAAAAAAAAAO DE PERTINHO, NÉ?
ÉS UM GAIJO DE KORAGEM, KONFESSO! AAAAAAAI , É POR ISSO Q EU GOXT TANTO DE TUUUUUUU.
"LobeU"
De menouv a 3 de Novembro de 2006 às 22:11
Tiago: Amigo Tiago! Bem vindo a este espaço cultural! He! He! Tanta é a cultura que há neste post que até já nem se consegue respirar... a exposição então está demais. Os directores deste País só têm mesmo é ideias de merda.
Olha que a sugestão para oferecer um peido enlatado não é nada mal pensado. Pelo menso ninguém pode acusar de falta de originalidade! He! He!
Aquele abraço! Volta sempre!

Deusa da lua: Ah, quem seriam voçes sem esta informação... uns incultos pois claro! He! He! O Dalai Lama é que sabe... com inteligência tudo é construtivo. Gostei da presença! Beijos!

Ananda: Nem todos os caminhos deste blog são "rectilíneos" e "solarentos". Nada é perfeito... também tenho por cá "lama", até porque dizem que faz bem à pele. He! He! Beijos (sem "lama")!

Xufia: Xu, môr! "Coragem" é mesmo o meu nome do meio! aquele que escrevo com letras mesmo mesmo miudinhas! He! He! Realmente só tu é que tens "tomates" para vir aqui comentar assim... e para além do mais, este é um post de merda mesmo! Quase literalmente! É ao nível dos gajos que deixam fazer uma exposição daquelas! LobeU2!! Volta sempre!!
De crying_angel a 3 de Novembro de 2006 às 23:20
Realmente cheira um bocado mal... É a chamada cultura da m**da... Mas é sempre bom aprender. Asteriscos.
De crying_angel a 4 de Novembro de 2006 às 15:18
Epá... isto quase que parece um blog a sério... até tem música a condizer e tudo...
De Maria Papoila a 4 de Novembro de 2006 às 14:10
Olá Menouv:
Uma entrevista hilariante, uma exposição de "olohs do c-" em Serralves que me deixou atónita e uma energia alternativa ainda muito pouco explorada.
Beijo
De menouv a 5 de Novembro de 2006 às 17:59
crying_angel: Tens toda a razão. Uma exposição ao nível da cultura que temos por cá.
Musica a condizer? Ah pois é, não sei se já reparaste, mas tento sempre colocar uma música relacionada (ou para criar ambiente) com o post mais recente. Nem sempre resulta, mas fica a ideia...
Asteriscos!

Maria Papoila: Parace mentira, mas é verdade... olhos do cú!! Também fiquei atónito quando tive conhecimento desta "pérola" cultural em Serralves, daí querer chamar a atenção dos caminhantes que por cá passam para o estado da nossa cultura. Lamentável no minimo. Beijos.
De Sereia a 6 de Novembro de 2006 às 10:14
Amigo! Camarada! Palhaço!! :)
Ó jovem, este artigo tá "do best"!! Realmente aprende-se qualquer coisa por aqui, e da minha parte foram ainda desfeitos alguns mitos "peidais".

Realmente há uma grande verdade neste artigo que, contudo, não consigo até hoje enetender: por que carga de água os gajos têm orgulho nos peidos que dão??? Não se percebe... como é que é possível fazerem concursos de peidos e desmancharem-se todos a rir com o assunto??? Qual é o interesse em cheirar a merda dos outros pá?? Eu nem da minha gosto, quanto mais da dos outros...

É como aquelas pessoas que passam horas na casa-de-banho a ler!!! Não consigo entender qual é a magia da coisa. É que quando o serviço tá difícil de fazer eu admito que a malta leia qualquer coisa para fazer tempo a ver se o dinossauro decide sair à rua, mas já depois do serviço feito é que não se percebe!! Não será mais confortável ler um belo livrinho no sofá? Enfim, é um mistério que não entendo e que deixo aqui o desafio a quem quiser vir explicar!

Quanto ao poema, adorei!! É sentido, profundo, sim porque este saiu bem lá do fundo do intestino com certeza...

Quanto às fotos... que dizer... NADA! Já foi tudo dito... como é que este país há-de andar para a frente??? É só ideias de MERDA!!
E tenho dito!!!

Jocas grandes
De menouv a 6 de Novembro de 2006 às 23:45
Sereia: Olá loirinha!! :) Fico muito contente por te ter ensinado qualquer coisinha... não é todos os dias!
Epá, o gosto dos homens pelos peidos acho que passa pelo desafio que lhe é proporcionado perante a sociedade. É a afirmação da masculinidade do homem. Homem que não se peida em publico não é homem... ah, pois!! É como se fosse um ritual da passagem da adolescencia para a vida adulta, tás a ver? Não? Ok, também não faz mal... são coisas de homens de barba rija! He! He!
Bom, quanto á cena de demorar 2 ou 3 horas para pôr o dinossauro na rua, também não é comigo. Isto de arrear o calhau e deixar a dita cuja secar antes de passar o papel pelas nalgas não é lá muito higiénico.
Naaaaa... peidar é diferente... peidar é de macho, já te disse!! :p
Lá está... como diria o Paulo Bento... fotos de merda... post de merda... comentário de merda... com muita tranquilidade!!!
Aqui vão dois quilinhos e meio de beijocas bem aviados!!
De Klev de Olive a 22 de Junho de 2011 às 08:59
Este post parece antigo! Mesmo assim deixo meu comentário...Que incrível! Não é todo dia que navegamos na internet e nos deparamos com um assunto tão bem analisado a fundo! GREETZ FROM BRAZIL!

comentar caminho

.Obrigado pela visita. Volta sempre!

menouv