.caminho musical


Rouxinol Faduncho - Desvariação

.quantos caminhantes


.caminhos recentes

. Teste psicológico

. Mas a Maria merece

. Resignação

. Parte mais importante

. Tudo sobre peidos

. Aviso do gaucho amigo

. Caminho Molhado

. A universalidade do povo ...

. Amigos do Caralho

. Leitaria do Avante

.caminhos antigos

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

.Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.sobre mim

.mais sobre mim


.caminhos trilhados

.o meu "selo"

Caminhos Cruzados

.o meu c@minho



.músicas que já tocaram no meu caminho


.procurar caminho

 

.em movimento




C

A

M

I

N

H

O

S



C

R

U

Z

A

D

O

S

.campanha da escrita

Campanha da escrita


blogs SAPO

.subscrever feeds

Sábado, 4 de Fevereiro de 2006

A vida continua...

pinheiro-ao-vento.jpg


Quis-te com tanto ardor
Que o fogo quase me consumia
Mas um dia a verdade chegou
E como uma ventania, que tudo levou
Apenas restou o que não existia

* * *
"Quem for firme em seus propósitos
molda o mundo a seu gosto"

Göethe

...será?!?!?

publicado por menouv às 21:21
caminho do post | caminhar | adicionar aos meus caminhos
12 comentários:
De Moon a 4 de Fevereiro de 2006 às 22:25
Como diz Jorge Palma..."Eh pá, deixa-me abrir contigo, desabafar contigo falar-te da minha solidão. Ah, é bom sorrir um pouco descontrair um pouco...eu sei que tu compreendes bem"... o amor é mesmo assim, como dizia o Camões, "amor é fogo que arde sem se ver", e sem dúvida que é um fogo que nos consome. Nestes momentos, as palavras são vazias e pequenas de mais para dar qualquer conforto...

E penso que não seja a pessoa ideal para te dar estes conselhos mas acredita que, apesar de tudo o que possa sentir, estou a ser insenta e sincera. Eu estou aqui para o que for preciso, nem que seja para emprestar um ombro amigo ou para ficares em silêncio. Lembra-te que "no bairro do amor cada um tem de tratar das suas nódoas negras sentimentais" (já chega, já falei de mais, daqui a nada adormeces :S). Beijocas ***... saudades
De meury a 4 de Fevereiro de 2006 às 21:28
oi, gostei da tua musica, nos passa uma calma, ta fixe teu bloguinho, parabens.

comentar caminho

.Obrigado pela visita. Volta sempre!

menouv